segunda-feira, 26 de abril de 2010

Soulfly - Omen (2010) - Download

Noise For Heroes Music For Zeros Vol. 2 - 02/05 - Domingo - Goiânia


SHOW COM:
DARGE (Japão) www.myspace.com/dargepunk
DEATH FROM ABOVE
www.myspace.com/dbeatdeathfromabove
TERROR REVOLUCIONARIO
www.myspace.com/terrorrevolucionario
DESASTRE
www.myspace.com/desastrehc
WxCxM
www.myspace.com/wxcxmx


DIA 02 DE MAIO (DOMINGO) / 16hs / 7 Reais//
LOCAL: CAPIM PUB (rua 5 nº65 ST. AEROPORTO - GOIANIA)

Fanzine Mente Engatilhada #4 - Download

Megadeth/Slayer Canadian and American Carnage – As duas bandas tocarão discos clássicos na íntegra


A exemplo do que o Megadeth vem fazendo em sua atual tour, tocando `Rust in Peace` na íntegra, o Slayer anunciou que irá tocar o seu clássico disco de 1990, `Seasons in the Abyss`, na turnê que irá fazer junto com o Megadeth e o Testament pelo Canadá e E.U.A, que começará em julho e irá durar até o comecinho de setembro.

Originalmente esta tour seria realizada em janeiro/fevereiro deste ano, mas sérios problemas médicos de Tom Araya forçaram o cancelamento da mesma.

Araya vinha sofrendo fortíssimas dores nas costas, e ao ser examinado foi constatado que ele precisava ser operado imediatamente, a lesão, que também estava prejudicando seu pescoço, é resultado direto de décadas de `head banging`!

Após a cirurgia Mr. Thomaz Araya foi proibido pelos médicos de bater cabeça durante os shows!

Após algum tempo de descanso o veterano thrasher já está recuperado e no momento se prepara com o resto do Slayer para esta tour pela América do Norte.

Estes dois discos,`Seasons In The Abyss` e `Rust In Peace`, marcaram época, ambos foram lançados em 1990 e fazem 20 anos agora em 2010, estes são dois dos meus discos preferidos, e de muita gente também!


Essa tour é praticamente um repeteco da lendária `Clash of The Titans`, que em 1991 reuniu Megadeth, Slayer, Testament, e Sucidal Tendencies na Europa, e Megadeth, Slayer, Anthrax, e Alice In Chains (eca!!!) nos E.U.A.

A tour foi extremamente bem sucedida, lotando ginásios e casas de shows na Europa e nos E.U.A, e forçou a mídia não especializada a reconhecer o thrash metal como um gênero musical comercialmente viável e com um público fiel.

A tour foi marcada por polêmicas entre as bandas, geralmente iniciadas e fomentadas por MegaDave (que surpresa!), que tiveram seu auge com o `convite` de Mike Muir (Suicidal) para ele e Mustaine saírem no braço para resolverem suas diferenças, musicais inclusive!

Agora com todo mundo mais velho e tranqüilo as coisas provavelmente serão mais calmas, ainda mais com Mustaine em sua fase cristã.


Acho interessante o Testament conseguir uma `boquinha` nessa tour, eles poderiam aproveitar o ensejo e tocar o `Souls Of Black` inteiro também!

Essa tour já é uma prévia do que serão os shows dos `Big Four` em julho, e como já disse antes, eu realmente acho que é bem capaz do Testament conseguir uma vaga nesse shows, e com alguma sorte o Exodus também, se bem que o caso do Exodus é mais complicado.

Vamos esperar e ver no que vai dar!

Complete dates for the MEGADETH/SLAYER Canadian and American Carnage are as follows:

Canadian Carnage:

Jul. 23 - Pavillon de la Jeunesse, Quebec City, QC CANADA
Jul. 24 - Heavy MTL, Parc Jean-Drapeau, Montreal, QC CANADA
Jul. 26 - Metro Centre, Halifax, NS CANADA
Jul. 27- Moncton Coliseum, Moncton, NB CANADA
Jul. 29 - Molson Amphitheatre, Toronto, ONT CANADA
Jul. 30 - John Labatt Centre Center, London, ONT CANADA

American Carnage:

Aug. 11 - Glens Falls Civic Center, Glens Falls, NY
Aug. 12 - Izod Center, East Rutherford, NJ
Aug. 14 - Tsongas Arena, Boston, MA
Aug. 15 - Susquehanna Bank Center, Camden, NJ
Aug. 16 - Chevrolet Theatre, Wallingford, CT
Aug. 18 - Tower City Amphitheatre, Cleveland, OH
Aug. 19 - Joe Lewis Arena, Detroit,MI
Aug. 20 - UIC Pavillon, Chicago, IL
Aug. 21 - Roy Wilkins Auditorium, Minneapolis, MN
Aug. 23 - Cap Fed Park @ Sandstone, Kansas City, KS
Aug. 25 - Magness Arena, Denver, CO
Aug. 26 - Tingley Coliseum, Albuquerque, NM
Aug. 27 - Dodge Theatre, Phoenix, AZ
Aug. 29 - Cricket Wireless Amphitheatre, San Diego, CA
Aug. 30 - Long Beach Arena, Long Beach, CA
Aug. 31 - Cow Palace, San Francisco, CA
Sep. 01 - Arco Arena, Sacramento, CA
Sep. 03 - Wamu Theatre, Seattle, WA
Sep. 04 - Washington County Fairgrounds, Portland, OR







Sepultura lança vídeo em `time lapse`



Semana passada o Sepultura lançou em seu canal no Youtube um interessante clip em `time-lapse`, que mostra todo o processo que envolve uma apresentação da banda; a montagem do palco, a passagem de som, o show da banda de abertura, o show do próprio Sepultura e por fim a desmontagem do palco.


O vídeo foi gravado em um recente show do Sepultura na França.





Marvel pode apostar em filmes de baixo orçamento depois de Vingadores


Os planos do Marvel Studios para depois de 2012 - quando Homem de Ferro, Thor, Capitão América e Hulk convergem no filme dos Vingadores - ainda são uma incógnita. É quase certo que teremos novos longas solo desses heróis, mas segundo o CHUD o estúdio vai apostar também em produções menores.

O site diz que a Marvel há meses se reúne com roteiristas e diretores para falar sobre possíveis projetos de baixo orçamento estrelados pelo segundo e terceiro escalão de personagens da editora. Os filmes custariam entre US$ 20 milhões e US$ 40 milhões, o que permitiria apostar em ideias e realizadores mais arriscados.

Dr. Estranho, Luke Cage, Ka-Zar, Cristal e Quarteto Futuro estão entre os nomes aventados. A eles se junta o Homem-Formiga, cujo filme já espera na fila.

A notícia não surpreende quem já sabia dos novos planos da Marvel dentro da Disney. Para recuperar o investimento da compra da editora, a casa do Mickey espera criar novas franquias de TV, cinema, games e outros licenciamentos a partir da vasta galeria de personagens da Marvel.

É possível que algum anúncio aconteça durante a Comic-Con, em julho. Enquanto isso, The Avengers estreia em 4 de maio de 2012.

Fonte: Omelete http://www.omelete.com.br

segunda-feira, 19 de abril de 2010

Crumbsuckers – Discografia – Download

Apesar de ter lançado apenas 2 discos o Crumbsuckers indiscutivelmente deixou sua marca na história do crossover HC/Metal.

Formado em 1982, em Long Island (NY), pelo baixista Gary Meskil (que cerca de 10 anos mais tarde montaria o Pro-Pain), o vocalista Dave Brady, Dave Wynn (guitarra) e Kevin `Toast` Carrol (bateria), já em 1983 o Crumbsuckers gravou a demo `The Crumbsuckers Cave`, que trazia um inusitado cover de `The Twist` do impagável Chubby Checker.

Foi com essa demo que eles conseguiram seu primeiro show no lendário CBGB, em uma das famosas matinês hardcore.

Em 1985, procurando crescer musicalmente, adicionaram um segundo guitarrista à banda, Chuck Lenihan, e substituíram o batera `Toast` por Dan Richardson, então com apenas 16 anos e que também seria um membro fundador do Pro-Pain alguns anos mais tarde.

Com a entrada dos 2 novos membros o Crumbsucker reformulou totalmente seu som, passando a fazer uma autêntica mistura de hardcore e metal, resultado da fusão das influências musicais dos membros antigos e novos.

O novo som da banda conquistou instantaneamente o público do CBGB, que passou a ser a `casa` da banda.

Para registrar a nova fase da banda gravaram uma demo em 1985, e passaram a procurar por uma gravadora para chegar ao tão sonhado vinil.

Mas nem tudo estava bem no Crumbsuckers, por causa das famosas `diferenças musicais` e por problemas com `substâncias` o vocalista Dave Brady saiu (ou foi saído) da banda.

Sem perder tempo os membros remanescentes do Crumbsuckers convidaram Chris Notaro (ex- vocalista do Krakdown e conhecido de longa data da banda) para entrar na banda e com ele gravaram seu debut, o álbum `Life of Dreams`, que foi lançado pela Combat Records em 1986.

O disco foi bem recebido pelo público e pela crítica, embora que com uma certa reserva pois o mesmo era bem diferente da maioria absoluta das outras bandas da época, um mix matador de hardcore e metal com inesperados grooves puxados para o rap, o tão falado `som urbano` de New York, muito pesado e bem tocado, anos luz à frente das outras bandas de NY.

Após a tour de divulgação de `Life of Dreams` o guitarrista Dave Wynn saiu da banda, sendo substituído temporariamente por alguns músicos até Robbie Koller assumir o posto de maneira definitiva e gravar com a banda o 2º disco `Beast On My Back`.

O disco veio ainda mais trampado que o 1º, o que infelizmente causou sérios desentendimentos musicais dentro da banda, que acabou em 1989, por não conseguirem concordar em uma direção musical a seguir.

Após isso Meskil e Richardson continuaram a tocar juntos em projetos de pouca ou nenhuma repercussão, até montarem o Pro-Pain, e o resto da história todo mundo sabe!

O Crumbsuckers só voltou a tocar em 2006, quando quase todos os músicos que passaram pela banda se reuniram para um show em New York (onde mais poderia ser?), para comemorar os 20 anos do lançamento de `Life of Dreams`.


QUE SHOW QUE É ESSE?!!? CRUMBSUCKERS E SACRED REICH NO MESMO DIA!

Gosto bastante dessa banda e tenho uma história curiosa com ela ao longo dos anos.

Ouvi falar deles pela 1º vez ao ler matérias sobre o Pro – Pain na época do primeiro disco, em que sempre era mencionado o fato de Meskil e Richardson terem feito parte do Crumbsuckers.

Fiquei bastante curioso em relação ao som da banda e fui atrás de material deles, foi uma luta conseguir, após muito tempo procurando um figura com quem eu me correspondia me mandou uma fita cassete com algumas músicas deles, ele não sabia de que disco, eu menos ainda!

Quem é da época se lembra de esquemas assim, a fita era a cópia da cópia da cópia de uma fita de um amigo do cara!

Mas estava bom assim mesmo, finalmente tinha conseguido escutar o Crumbsuckers, e gostei muito do som.

Passei anos procurando os 2 CD´s deles, às vezes os via em catálogos de gravadoras e distros estrangeiras, mas nunca tinha grana para importa-los.

Com a popularização da internet consegui os 2 em MP3, felizmente sem morrer numa grana!

Acho que essa banda estava à frente de seu tempo, imagino a `choradeira` que os grooves devem ter causado na época!

O som deles é tipo o Biohazard antes do Biohazard existir, só que muito mais bem tocado!

De qualquer modo, essa banda é uma página viva de uma época, o exato momento em que as bandas HC começaram a `metalizar` seu som, na maioria das vezes com ótimos resultados.

Sou suspeito para falar de Crumbsuckers, mas te recomendo esses 2 discos, boto fé que você não se arrependerá de escuta-los!



The Crumbsuckers – Trapped

Crumbsuckers - Brooklyn 1986







Invictus (Invictus, E.U.A, 2009) - Download


Invictus nos traz a inspiradora história de como Nelson Mandela (MORGAN FREEMAN) uniu forças com o capitão da equipe de rúgbi da África do Sul, Francois Pienaar (MATT DAMON), para ajudar a unir a nação.

Recém-eleito,o presidente Mandela sabe que seu país permanece dividido racial e economicamente após o fim do apartheid. Acreditando ser capaz de unificar a população por meio da linguagem universal do esporte, Mandela apóia o desacreditado time da África do Sul na Copa Mundial de Rúgbi de 1995, que faz uma incrível campanha até as finais.

Download

http://www.megaupload.com?d=EDBT9I27

Trailer

Link Original: Melhores Filmes Grátis

http://filmesdeprima.blogspot.com

Batman – O Homem Que Ri (2005) – HQ Scan Download


Sinopse: Tudo começou com o Capuz Vermelho... e de repente, Gotham enlouqueceu! Uma série de assassinatos que tem como alvo os principais cidadãos de Gotham atrai a atenção do novo e misterioso guardião da cidade - Batman! Em meio ao caos que se instaura na metrópole, as investigações levam o Cavaleiro das Trevas ao primeiro confronto com seu mais instável inimigo - o Coringa! Testemunhe o encontro que definiu a dinâmica do eterno conflito entre o bem e o mal... a lógica e a loucura... o Batman e o Coringa!

Download

dhttp://www.megaupload.com/?d=DAVMIZ47

CDisplay – Programa para ler HQ´s

http://cdisplay-comic-reader-18.zipdownloads.com.br/download.html

Link original: Scanmaniacs

http://scanmaniacs.blogspot.com

Cypress Hill prestes a lançar novo álbum


Rise Up é o nome do novo disco do Cypress Hill que após vários adiamentos ao que tudo indica será mesmo lançado em 20/05/2010.

Esse será o primeiro trabalho do Cypress Hill que não será lançado pela Columbia Records, com quem eles encerraram o contrato alguns anos atrás, o novo disco será lançado pela Priority Records, uma subdivisão da EMI, que estava desativada há muito tempo, e que lançou vários discos de rap na década de 90.

O Cypress Hill foi contrato pelo `diretor criativo` da Priority, ninguém menos que Snoop Dogg!

A banda passou quase dois anos trabalhando no disco em vários estúdios diferentes, sob a produção de DJ Muggs, B-Real, Mike Shinoda (Linkin Park), Jim Jonsin, Pete Rock & DJ Khalil.

O disco traz uma enorme lista de convidados, entre eles Daron Malakian, Pitbull, Everlast, Evidence, Young Dre, Tom Morello, e Marc Anthony, ufa!

Para preparar o clima para o lançamento recentemente foi lançado um clip para a música título do álbum, que tem a participação de Tom Morello e ficou muito legal, se o disco vier nessa pegada com certeza teremos mais um ótimo disco do Cypress Hill.

CYPRESS HILL – RISE UP



Super Interessante – Abril 2010 – Download

Mundo Estranho – Abril 2010 – Download

Megadeth lança um clip para a música `The Right To Go Insane`

Para dar uma `reaquecida` nas vendas de seu último álbum, `Endgame`, e aumentar o interesse em sua atual tour o Megadeth lançou semana passada o clip da música `The Right To Go Insane`, uma das minhas preferidas do novo disco!

O vídeo teve como inspiração uma impressionante história real: em 17/05 de 1995 Shawn Timothy Nelson, veterano de guerra do exército estadunidense que estava desempregado, roubou um tanque de guerra Patton M60 de um quartel em San Diego (Califórnia) e saiu destruindo o que via pela frente nas ruas da cidade até ser morto pela polícia.

Esse clip reforça ainda mais a fase politizada por que passa a banda, com ele o Megadeth atingiu em cheio uma realidade pesada que existe nos E.U.A, o alto número de veteranos de guerra que não conseguem se readaptar à vida em sociedade após darem baixa das forças armadas e muitas vezes se envolvem em problemas com a lei.

O clip foi dirigido por Bill Fishman, que já havia trabalhado com a banda em seu clip anterior, também do álbum `Endgame`, `Head Crusher`.

As filmagens foram feitas em South El Monte (Califórnia), e agradaram bastante Mustaine e o resto da banda.

Megadeth – The Right To Go Insane




Musica Diablo divulga a capa de seu disco de estréia

O `projeto paralelo de luxo` Musica Diablo formado por Derrick Green (Sepultura), André L.A (Nitrominds, guitarra), André Cruci (Korzus, Threat, guitarra), Ricardo Brigas (baixo), e Edu Nicollino (Nitrominds, bateria), divulgou a capa de seu 1º disco, auto-intitulado, que será lançado em 28/05 pelas

gravadoras/selos SAOL/H´Art/Zebralution.

A arte da capa foi feita por Gustavo Zases, que tem em seu currículo trabalhos com as bandas Arch Enemy, God Forbid e Old Man´s Child.

No final de maio a banda embarca para a Europa para fazer sua primeira tour, de 26/05 a 06/06.

Farão sua estréia por lá, sem terem tocado um único show que seja no Brasil, banda grande é outra coisa!

http://www.myspace.com/musicadiablo




Jason Newsted está organizando sua primeira exposição de pinturas.

Após algum tempo sumido Jason Newsted reapareceu como.... pintor!

Ele está organizando sua primeira exposição, que será realizada dos dias 06/05 a 27/06 na Micaëla Gallery, em San Francisco.

Como pintor Mr. Newsted se revelou um ótimo baixista, era exatamente por causa de obras assim que eu tinha uma péssima opinião sobre pintura, achava que esse lance de qualquer um `fazer uns rabiscos` e chamar de arte era um aluguel daqueles.



Só mudei de opinião quando tive que estudar a História da Arte em um supletivo e tive contato com o trabalho de mestres como Caravaggio, Bosch, etc...; cujas obras são autênticas obras primas, com claro domínio do uso da luz, perspectiva, anatomia.

Não aquela coisa pretensamente de vanguarda, elitista e antipática que me fazia ter raiva de artes plásticas.

Aí eu entendi que exatamente como na música também na pintura há espaço para todo tipo de manifestações, até para os rabiscos do Newsted!









segunda-feira, 12 de abril de 2010

Devildriver – Pray For Villains (2009) – Download

Um discaço que eu deixei passar batido por puro vacilo.

Me lembro perfeitamente da primeira vez em que eu vi uma matéria sobre o Devildriver em uma revista, lá por 2001/2002, como eu gostava um pouco de Coal Chamber, principalmente das baixistas (!!!), quis conferir o som da então nova banda de Dez Fafara. Consegui uma gravação do 1º disco e não gostei nem um pouco do som, nunca mais escutei nada deles.

Alguns dias atrás eu estava lendo a Metal Hammer de fevereiro, na votação de melhores do ano de 2009 o staff da revista votou em peso em 3 discos: Devildriver – Pray for Villains, Lamb of God – Wrath, e Five Finger Death Punch – War is the Answer.

Fiquei curioso e resolvi baixar os 3 para ver de qual era.

Adorei o do Devildriver, e detestei os outros 2, duas bandas que eu já conhecia e não gostava.


Há muitos anos estou sem um pingo de paciência ou interesse para escutar as novas bandas de metal estadunidense, acho que fiquei traumatizado com Killswitch Engage, Trivium, Atreyu e afins.

A última banda de lá que eu gostei foi o Municipal Waste, e já se vão uns bons anos desde que eles apareceram.

Ultimamente quando eu quero ouvir metal ou escuto os medalhões thrash que eu cresci ouvindo ou pesquiso e baixo bandas obscuras das décadas de 70 e 80.

`Pray For Villains` é o 4º álbum do Devildriver, foi lançado em 14/07/2009 pela Roadrunner, e está vendendo bem. No momento a banda está divulgando o disco pelos E.U.A e Europa e já fez tours ao lado de nomes como Slipknot, 3 Inches of Blood, All That Remains, Behemoth e Suicide Silence.

As faixas `Pray for Villains` e `Another Night in London` foram lançadas como singles digitais e tem ótimos clips.

Em recentes entrevistas Fafara vem falando que eles já tem 6 músicas novas prontas e querem lançar um novo disco ainda esse ano, em outubro!


As gravações desse novo álbum começam semana que vem.

`Pray for Villains` me pegou de surpresa, esse é exatamente o tipo de som que eu gosto, pesado, ritmado, e bem tocado.

Acho que os grooves dele são uma espécie de `herança` do Coal Chamber, que era legal mas tinha uns lances chatíssimos em algumas músicas.

O disco realmente se destaca na mesmice que está o metal dos E.U.A, isso sem dúvida é o resultado dos anos de estrada de Mr. Fafara e da competência dos outros membros do Devildriver.

Baixe!

1 - Pray for Villains - 4:02

2 - Pure Sincerity - 4:38

3 - Fate Stepped In - 5:10

4 - Back With a Vengeance - 3:42

5 - I´ve Been Sober - 5:16

6 - Resurrection Blvd - 3:59

7 - Forgiviness Is a Six Gun - 4:42

8 - Waiting for November - 5:07

9 - It´s in the Cards - 4:25

10 Another Night in London - 3:05

11 Bitter Pill - 4:25

12 Teach Me to Whisper - 4:01

13 I See Belief - 3:55

http://www.mediafire.com/?ygdjtiewtxm

DEVILDRIVER – PRAY FOR VILLAINS

DEVILDRIVER – ANOTHER NIGHT ON LONDON







ANVIL! THE STORY OF ANVIL ( E.U.A,2009) – DOWNLOAD

Ótimo filme! Esse documentário vem causando furor nos festivais de cinema em que é exibido.

Estava louco para assistir `The Story of Anvil` desde que li algumas matérias sobre ele alguns meses atrás, como aqui em Goiânia ele não vai chegar nos cinemas nem a pau `revirei` a internet atrás dele, e o achei!

Em um ótimo blog chamado Avi in Rock, http://aviinrock.blogspot.com, que eu recomendo a todos, os caras tem um verdadeiro arsenal de documentários e shows de metal lá!

O filme chegou a me comover, é impressionante a persistência de Lips e Robb, a impressão que dá é que se o Anvil acabasse eles não saberiam o que fazer de suas vidas.

Realmente não dá para entender por que o Anvil não se tornou uma banda grande, lá por 1983/84 os caras estavam com um disco foda, o `Metal on Metal`, e eram a aposta da imprensa especializada como `the next big thing`, algo aconteceu que os impediu de subir para o próximo nível, como Lars Ulrich diz no filme.

Já li várias entrevistas em que o Lips fala que eles tomaram todas as decisões erradas que uma banda pode tomar no começo da carreira, péssimos contratos com gravadoras que não divulgavam a banda corretamente, tours fracas, e empresários que os `malharam` na cara dura.

O filme acaba servindo de reflexão para todo mundo que tem banda, até que ponto compensa se sacrificar e se esforçar por algo que raríssimas vezes dá certo?

No filme é mostrada em detalhes a pressão das famílias em cima deles, as constantes conversas de que `isso não dá dinheiro`, aquele lenga lenga que todo mundo que tem banda já cansou de ouvir, se o lance é assim com o Anvil imagina com nós, simples amadores?


Conheço alguns membros de bandas `grandes` e a realidade dos caras é bem diferente do que a maioria das pessoas imaginam, apesar das bandas viajarem para tocar e tal muitos deles tem empregos normais de segunda a sexta, raríssimas bandas pesadas no Brasil seguram a onda financeira de seus membros.

Diante disso o melhor é fazer que nem o Anvil mesmo, tocar por amor à música pesada, sem nenhum tipo de ilusão a respeito de `dar certo e ganhar grana`, mas se rolar é massa!

O filme foi dirigido por Sacha Gervasi, um fãzaço e antigo roadie do Anvil durante os anos 80, que é um roteirista muito respeitado no meio, tendo em seu currículo o ótimo `O Terminal`.

O documentário foi muito bem recebido pela mídia especializada, e até Michael Moore o elogiou dizendo que `esse é o melhor documentário que eu vi em anos!`.

Com toda essa badalação em torno da banda o Anvil está tocando bastante, tendo recentemente aberto shows do AC/DC e do Saxon.

Tomara que eles finalmente consigam o reconhecimento que tão justamente merecem por tantos anos de batalha!

DOWNLOAD

http://www.megaupload.com/?d=2VQJU2EP

TRAILER



KICK ASS (2008 - 2010 ) – HQ SCAN DOWNLOAD

Sinopse: Dave Lizewski não era o atleta nem o nerd da classe. Não era o palhaço, nem o gênio, nem nada... Ele era apenas um rapaz comum que gostava de histórias em quadrinhos, e tinha um sonho, ser um super-herói. E por que não realizar esse sonho. Um dia ele vestiu uma fantasia de super-herói e... acabou levando a maior surra de sua vida. No entanto isso não o parou. Na outra vez em que colocou a sua fantasia... ele acabou salvando a vida de um cara. Acompanhe as aventuras desse garoto e descubra se ele vai conseguir se tornar um Super-Herói.

Parte 1

http://www.megaupload.com/?d=WLZB1TWY

Parte 2

http://www.megaupload.com/?d=QJJ8DCAP

Parte 3

http://www.megaupload.com/?d=7W8422LS

Parte 4

http://www.megaupload.com/?d=3P0BMGUY

Parte 5

http://www.megaupload.com/?d=KAK20CR7

Parte 6

http://www.megaupload.com/?d=B2X4S5XD

Parte 7

http://www.megaupload.com/?d=Y8LDUBOJ

Parte 8

http://www.megaupload.com/?d=KWGEB84S

CDisplay – Programa para ler HQ´s

http://cdisplay-comic-reader-18.zipdownloads.com.br/download.html

Links originalmente postados no Scanmaniacs http://scanmaniacs.blogspot.com




GIRLIE HELL – GET OFF - 1º clip da banda goiana Girlie Hell

Produzido em março/2010
Imagens, Edição e Pós Produção: Ludmilla Rabelo

http://www.myspace.com/girliehelll

The Unabomber Files – Supergrupo do Metal Mineiro!


Por essa ninguém esperava, meio na `moita` o lendário Vladimir Korg (Chakal) e o grande batera André Márcio (Eminence e Overdose) montaram em 2009 uma banda chamada The Unabomber Files, logo Allan Wallace (também do Eminence) se juntou ao grupo e eles começaram a trabalhar em algumas composições, mas faltava um baixista, e quem eles resolveram chamar?

Ninguém menos que Paulo Jr!

O The Unabomber Files já gravou 3 músicas, `Borderline`, `The Clown` e `Buried in My Bunker`, no WZ Estúdio em BH e no momento está dando os retoques finais em seu myspace para divulgar o som, essa banda promete!

A Hora do Pesadelo 2010 – Novo Trailer


Clancy Brown (Allan), Katie Cassidy (Kris), Rooney Mara (Nancy), Thomas Dekker (Jesse) e Kyle Gallner (Quentin) estão no elenco, além de Jackie Earle Haley, o Rorschach de Watchmen.

O roteiro é de Wesley Strick (Aracnofobia) e o diretor de videoclipes Samuel Bayer assina o filme. A produção é da Platinum Dunes de Michael Bay. A Warner Bros. marcou a data de estreia para 7 de maio no Brasil.

Trailer exclusivo do Omelete http://www.omelete.com.br


Conheça as mudanças editorais da Marvel e DC pela Panini


A partir de maio de 2010 a Panini Comics promoverá grandes mudanças em sua linha editoral Marvel e DC. Conheça agora, em primeira mão no Omelete, essas alterações.

A maior importante delas é a redução de páginas e estrutura nos títulos mensais da Marvel. Títulos como Homem-Aranha, X-Men, Wolverine e Novos Vingadores passam a custar 6,50 reais e terão 76 páginas. Atualmente eles custam 7,95 reais e têm 100 páginas, o que dá quatro histórias por edição. Na nova estrutura ficam três histórias, portanto.

Outra mudança é em X-Men Extra e Universo Marvel (em nova fase, a partir da edição nº 1), que ganham 50% de volume, passando para 148 páginas por R$ 14,90. Já Avante, Vingadores! terá o mesmo formato, mas com periodicidade bimestral.

As revistas Marvel Max e Marvel Millennium - Homem Aranha serão canceladas. Parte das histórias publicadas na primeira encontrarão espaço em edições especiais. Já o fim do Universo Ultimate reflete decisões editoriais da Marvel dos EUA e já era esperado. A última edição é a 100, de abril.

Em compensação, uma nova revista será criada em maio. Aproveitando o aguardadíssimo lançamento do filme Homem de Ferro 2 e a notoriedade do personagem, a Panini dedicará um título mensal ao super-herói. Homem de Ferro chega às bancas em maio.

As principais revistas da DC Comics - Superman, Batman, Lanterna Verde e Liga da Justiça - também terão redução de preço (6,50 reais) e páginas (76). A partir de julho, uma nova revista do Batman, ainda sem nome, substituirá Superman & Batman, descontinuada em fevereiro. Esse novo bat-gibi e a revista Universo DC terão 148 páginas, custarão 14,90 reais e serão mensais. Já a revista dos Novos Titãs tem sua última edição distribuída em abril.



Como a DC Comics completa 75 anos em 2010, a editora será alvo também de comemorações especiais nos próximos meses. Ainda não detalhadas, essas ações envolverão especiais e produtos inéditos, além do lançamento da megassaga A Noite Mais Densa (Blackest Night) do Lanterna Verde.

A Panini revisará todos os seus pacotes de assinatura, aumentando a vigência - devido à redução de preços - dos exemplares de seus pacotes proporcionais ao valor já pago. Um novo e reformulado site, previsto para 13 de abril, entrará no ar com previews inéditos e novos formatos de conteúdo.

Por Érico Borgo

Omelete http://www.omelete.com.br



A morte de Malcom McLaren

Morreu no dia 08/04/2010 o folclórico Malcom McLaren, famoso por ser, entre muitas outras coisas, o `descobridor` e empresário dos Sex Pistols.

McLaren teve uma importância imensurável na 1º geração do punk, e mais tarde também no rap e na dance music.

McLaren foi vítima de um tipo de cãncer raro, e extremamente agressivo, chamado mesotelioma, que ataca o tecido que envolve a maioria dos órgãos do corpo humano.

R.I.P Mr. McLaren

Malcom Mclaren e o Sex Pistols



terça-feira, 6 de abril de 2010

Pantera – Far Beyond Driven (1994) – Download


Após emendarem 2 álbuns e duas world tours os Cowboys From Hell estavam exaustos, precisavam de uma parada para descansarem um pouco e se renovarem musicalmente.

No final de ´93 o Pantera entrou em ´férias´, que logo se transformaram em dias tediosos, que os fizeram entrar em estúdio rapidamente.

Mais uma vez sob a batuta de Terry Date a banda começou a trabalhar no material que viria a ser `Far Beyond Driven`.

Todos os membros da banda contribuíram com material na forma de riffs, bases, bridges, etc..., muitos deles criados em sound checks durante a tour de `Vulgar Display Of Power`.

Musicalmente o disco foi um passo à frente na carreira do Pantera, trazendo uma sonoridade mais lenta, extremamente pesada e com um timbre de guitarra simplesmente maligno!

Curiosamente, apesar de ser mais lento que os 2 discos anteriores, `Far Beyond Driven` tem `semi blast beats` em algumas músicas, e discretos elementos de som industrial aqui e ali.

ARTE ORIGINAL DE FAR BEYOND DRIVEN

Lançado em 15/03/1994 o disco estreou direto no primeiro lugar da Billboard, uma amostra inquestionável da popularidade e da moral do Pantera na época.

As faixas `I´m Broken`, `5 Minutes Alone` e `Planet Caravan` (cover do immortal Black Sabbath) foram lançadas como singles e vídeos, tendo uma ótima aceitação e alta rotação na MTV e rádios especializadas.

Morava nos E.U.A quando esse disco foi lançado,e o comprei (em cassete!) logo que ele foi lançado, fiquei de cara com esse disco porque ele era bem diferente dos trabalhos anteriores da banda. Apliquei uma galera da minha escola no `new` Pantera!

Tinha esse cassete até uns poucos anos atrás, mas o emprestei para um `amigo`, juntamente com a minha coleção de livros do Stephen King, e rodei nele!

Diferentemente do CD e do vinil as fotos do encarte do disco no cassete eram coloridas, um luxo!

`Se conselho fosse bom não se dava, se vendia`, concordo plenamente com esse dito popular, mas como cada caso é um caso aqui vai um conselho de alguém que já andou demais e viu coisas demais por esse mundão afora: não empreste raridades!

Para iniciar a divulgação de `Far Beyond Driven` o Pantera fez uma monstruosa tour de costa à costa dos E.U.A, com opening acts de luxo, simplesmente o Biohazard e o Sepultura!

Tive o privilégio de assistir um show dessa tour, infelizmente sem o Biohazard, `só` com o Sepultura e o Pantera!

Quem acompanha o blog há algum tempo sabe da minha `doença` pelo Sepultura, então imaginem o estado em que eu fiquei após o show do Sepultura (era a tour do Chaos A.D!) e do Pantera!

Nunca tinha pego um show do Sepultura no Brasil e ver o meu primeiro show da banda nos E.U.A foi foda, o lugar estava lotado e eu fui com alguns amigos da escola e do prédio em que eu morava, antes do show rolou uma `preparação psicológica`, se é que vocês me entendem (!!!!) e na hora do show todo mundo estava à mil!

Depois dessa tour pelos E.U.A o Pantera iniciou a tour mundial, que os trouxe ao Brasil pela segunda e última vez em 1995.

Para mim esse disco encerra a era `clássica` do Pantera, com exceção do disco ao vivo, nada que eles lançaram após `Far Beyond Driven` me agrada.



Na minha opinião, após esse disco eles embarcaram numa viagem de peso pelo peso e velocidade pela velocidade que matou a principal característica da banda, os grooves pesados, que na verdade era um dos principais diferenciais do Pantera em relação às outras bandas da época.

Depois de escutar, e detestar, o `The Great Southern Trendkill` parei de acompanhar o Pantera.

Mas isso é outra história.....

Curiosidades: Originalmente a capa do disco seria a imagem de um traseiro sendo `empalado` por uma broca industrial!!!!!

Obviamente o departamento de marketing da East West Records vetou a idéia, mas algumas prensagens em CD e vinil da polêmica capa chegaram a serem fabricadas e vendidas na Austrália e na Nova Zelândia, se tornando imediatamente itens de colecionador e sendo até hoje disputadas a tapas nos E-bays da vida!

Após terem sua idéia original vetada os membros do Pantera optaram por uma imagem de um crânio sendo `penetrado` pela bendita broca industrial, dessa vez a imagem foi aprovada e usada na capa do disco.

Os caras realmente queriam `empalar` algo, ou alguém, com a tal broca, será que isso era coisa do Phil Anselmo?!!!?

A princípio a música `Planet Caravan` faria parte da coletânea/tributo `Nativity In Black`, mas problemas contratuais e desacertos entre as gravadoras envolvidas impediram que a faixa fosse incluída no disco e ela `ficou guardada` até o Pantera decidir usa-la em `Far Beyond Driven`.

Esse é um dos melhores covers do Sabbath que eu já escutei, e eu já escutei muitos! Os caras acertaram na mosca com essa música, conseguiram até resgatar aquele clima bem anos 70 da gravação original, o cover ficou perfeito!

Por falar em cover, as versões japonesa, australiana, e neo-zelandense de `Far Beyond Driven` trazem a música `The Badge` do grande (em todos os sentidos!) Poison Idea como bonus track.

`5 Minutes Alone` tem uma origem curiosíssima, em um show em San Diego (Califórnia)durante a tour do `Vulgar` um cara na platéia passou o show inteiro na frente do palco dirigindo impropérios a Mr. Anselmo, que numa atitude lamentável atiçou alguns presentes a ´darem um pau` no xingador, no que foi prontamente atendido!

O rapaz processou o Pantera, e em uma conversa telefônica com os empresários do Pantera o pai dele disse que só queria `5 minutos sozinho (5 minutes alone!) com o tal do Phil Anselmo!`

Ao serem informados disso os membros do Pantera racharam o bico e Anselmo decidiu imortalizar a frase do valente pai em uma canção do Pantera!


Esse foi o primeiro disco em que Darrel, usou o nome artístico Dimebag, antes disso ele era creditado como Diamond Darrel nos discos do Pantera.

Na época do disco a mídia mainstream comentou bastante sobre as letras do disco, lembro de uma `Bizz` da época que tinha uma matéria chamada `A cultura do ódio`, ou algo assim, em que músicos como Phil Anselmo e Ice-T eram citados como `propagadores do ódio` entre seus jovens fãs, a letra de `Good Friends and a Bottle of Pills` do `Far` era citada na matéria; essa letra descreve aquela pavorosa situação em que todo mundo está chapado em alguma festa e um cara acaba transando com a mulher do amigo `sem querer`.

Infelizmente foi nessa época que o processo de degradação física e mental de Phil Anselmo teve início, ele se `graduou` do tradicional `triatlo` de maconha/pó/goró para a heroína, começou a `dar nos canos` e só parou com isso ao ter uma overdose em 1996

Segundo ele disse em várias entrevistas e artigos ele começou a usar heroína para aliviar uma dor crônica que ele tinha nas costas, mal do qual ele já sofria antes de entrar no Pantera e que foi agravado por anos e anos de agitação em shows. O tratamento desse problema nas costas fatalmente envolveria operações, que Anselmo não queria fazer porque teria que ficar um tempo de molho e o Pantera teria que ficar parado.

A saída (imbecil) achada por ele foi começar a usar heroína, que é uma das piores drogas que alguém pode usar, cada um cada um, um adulto tem o direito de fazer o que quiser com seu corpo, mas heroína é foda!

As raízes da separação do Pantera tiveram início durante essa fase da vida de Anselmo.

Quase 16 anos após seu lançamento `Far Beyond Driven` sobreviveu, com louvor, ao teste do tempo, é um clássico absoluto na carreira do Pantera e do heavy metal em geral, baixe-o!


01. Strength Beyond Strength

02. Becoming
03. Five Minutes Alone
04. I’m Broken
05. Good Friends And A Bottle Of Pills
06. Hard Lines Sunken Cheeks
07. Slaughtered
08. 25 Years
09. Shedding Skin
10. Use My Third Arm
11. Throes Of Rejection
12.
Planet Caravan

http://www.mediafire.com/?gnmz2eimt0w

Pantera - 5 Minutes Alone

Pantera – I´m Broken

Pantera – Planet Caravan